Contos e (En)cantos

Difícil ser eu

Kel Barreto*

Seria tão mais fácil se eu fosse branca
Seria tão mais fácil se eu fosse homem
Seria tão mais fácil se eu fosse heterossexual
Seria tão mais fácil se eu fosse rica.
Engraçado… Triste…
Seria tão mais fácil se eu não fosse eu.
Se eu tivesse a identidade de outra pessoa que também não fosse eu.

Minha vizinha que apanha do marido sou eu,
Minha colega de turma puta sou eu,
Minha amiga lésbica sou eu,
Minha tia pobre sou eu,
Minha mãe preta sou eu.
Dói saber que seria tão mais fácil se fôssemos quem não sou.

*Escritora negra, nascida no Rio de Janeiro, em 1994. Graduada em Letras pela Unigranrio.

Pergunta para refletir sobre o texto: Como tornar mais fácil sermos quem somos?

3 comentários em “Contos e (En)cantos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: